Meio Limão

UM LIMÃO MEIO LIMÃO, O MEU É MEIO

quinta-feira, outubro 11, 2007

Vamos ser feliz - porque feliz não é um verbo!

(vou tentar responder ao repto feito pelo botinhas)
Estava eu a fazer um zapping (que isto de estar de cama 3 dias com uma amigdalite tem destas coisas), quando passo no que seria um daqueles resumos diários de mais um reality show da TVI.
Ora nunca vi um "episódio" (não sei como chamar) do Programa "Cantando e Dançando por um Casamento de Sonho"do princípio ao fim (nem mais de 5 minutos sequer), confesso que nem sabia o nome certo do dito programa (tive de googlar), e, como consequência, não percebo nada daquilo e o tempo que dispenso a tentar perceber - num máximo de 3 minutos de cada vez que me aparece à frente, tem sido insuficiente.
Ora desta vez fui presenteada por um daqueles momentos que, estivessemos nós nas primeiras Eras do Big Brother, daria pano para mangas no dia seguinte e passaria a fazer parte das expressões nacionais, como o conhecido "Gostastes?" "Gostei!".

Passo a explicar: zapping, TVI.
Pano de fundo: uma mesa, duas raparigas e um rapaz. Uma delas com lápis e papel, ao que parece tinha de fazer uma espécie de prova, pergunta:
"O que é que rima com felizes?"
rapaz: "aprendizes" (achei que isto iria sair daqui boa coisa e deixei-me ficar)
"humm...não sei..não tem muito a ver..."
rapaz: "tem sim! no amor somos aprendizes..."
"então: Sei que vamos ser felizes...."
outra rapariga interrompe: "Sei que vamos ser feliz, vamos ser feliz"
rapariga do lápis: "feliz? vamos ser feliz? então não é felizes..?"
outra rapariga: "Não...porque feliz não é um verbo, não se conjuga...!"
rapaz: "pois...é um verbo...feliz... espera lá...agora também estou a ficar baralhado.."

Nisto o diálogo foi-se repetindo, a rapariga que escrevia continua a dizer que lhe soava mal e a outra com a teoria do verbo lá convenceu o rapaz.
De seguida passamos a outra cena: todos na sala, a rapariga esperta lá no meio ia dizendo "feliz não é um verbo, não se conjuga". Sai-se um que diz "Volta mas é para as couves!"
E acabou aqui, a melhor parte que seria a resposta às couves deve ficar para cenas de outros capítulos a que infelizmente não terei o gosto de assistir.


(é aqui que vai ficar o filme)
Confesso que fiquei maravilhada com esta história. Pronto...pode ser da febre, mas gostei. Achei que era digna de registo. Ainda assim apenas partilhei os pormenores necessários ao perfeito entendimento do que se passou.
Tentei procurar o vídeo, mas infelizmente ainda não está no youtube, assim que estiver posto aqui.

Ora vou tentar conjugar o hipotético verbo Feliz, só para ver no que dá:
Eu felizo
Tu felizes
Ele feliz
Nós felizimos
Vós felizis
Eles felizem


Vamos é todos ser FELIZES porque soa melhor! :)

Etiquetas:

3 Comments:

At 10:30 da manhã, novembro 07, 2007, Blogger Magoonífico tem a dizer que...

loooolll, looool e mais looooollll. como diria um grande amigo meu "muito bÔÔÔÔm pá!!!"

 
At 11:40 da manhã, janeiro 08, 2008, Blogger Migas-o-Sapo tem a dizer que...

Bem vindo de volta! Há que tempos!
Eu ainda tenho uma conjugação alternativa:
eu felizo
tu felizas
ele feliza
nós felizamos
vós felizais
eles felizam
Isto partindo do princípio que é o verbo felizar e que é regular, já que as terminações no Presente do Modo Indicativo para a primeira conjugação são estas, acho eu. Para todos os efeitos, FELIZ ANO NOVO!

 
At 11:43 da manhã, janeiro 08, 2008, Blogger Migas-o-Sapo tem a dizer que...

E os concorrentes eram tão deprimentes quanto o próprio concurso. Claro que quanto às carinhas larocas o assunto já é outro, hehehe! No entanto, a história é hilariante... DE VOLTA À ESCOLA PRIMÁRIA, JÁ!!!

 

Enviar um comentário

<< Home

badge